Cafeterias EduCAFÉ Faça você mesmo

Como pedir café com leite, o nosso pingado, nas cafeterias de Nova York?

Laila Agresta
Escrito por Laila Agresta

Uma viagem ou temporada fora do país sempre traz muitos aprendizados e percepções. Nesta temporada nos Estados Unidos, mais precisamente em Nova York, percebi algumas coisas legais sobre o consumo de café que gostaria de compartilhar com vocês.

Vou falar de como é consumido o café com leite, nosso famoso pingado, nas cafeterias de Nova York. Certamente pode estender esse hábito para todo os Estados Unidos.

Essas dicas certamente irão te orientar a como pedir o seu café com leite nas terras do Tio Sam.

Cultura do café nos Estados Unidos

A primeira coisa que você vai perceber em Nova York é que eles têm muitas cafeterias. O mais legal é que todas elas tem movimento. Uma mais que as outras, claro, mas é raro passar em frente a um café e ele estar vazio.

Em resumo, a cultura do café é bem forte por aqui, e o que mais diferencia o consumo do café entre brasileiros e americanos é que o consumo de café fora de casa, pelo americanos, é muito maior. 

As cafeterias em Nova York e o café com leite

Apesar de muitos americanos preferirem tomar o seu café Black, o que significa sem nenhum leite, outra parcela adora fazer a combinação de café com leite.

Quando você vai a uma cafeteria há duas principais maneiras de fazer essa mistura de sucesso.

Ou na cafeteria você vai reparar uma pequena bancada com os leites disponíveis, e você mesmo adiciona o tipo e quantidade que deseja.

Caso não veja essa bancadinha disponível, é o próprio barista ou atendente que vai fazer essa mistura para você.

Cafeterias em Nova York com bancada para você adicionar o seu leite

As cafeterias que possuem bancada com leite para você mesmo preparar a sua mistura é o modelo mais comum encontrado nos EUA.

Esse é um exemplo de como vai encontrar os leites disponíveis em bancadas.

Lembrando que se você quiser adicionar leite no café é interessante informar isso ao barista ou atendente, dizendo que quer espaço no copo para adicionar o leite. Você pode dizer:

  • Please, don’t fill it all the way to the top
  • Don’t fill it up
  • Leave room for milk, please
  • I need room to add milk

Entre outras maneiras.

Cafeterias em Nova York sem bancada para você adicionar o seu leite

Outros casos que você encontrar o “full service’, ou seja, a cafeteria adiciona o leite e muitas vezes adoça o café caso seja a sua preferencia.

Então na hora de pedir o tradicional café você precisa especificar qual leite prefere, a quantidade e se quer seu café adoçado. 

Eles possuem um padrão, um pouco menos de um dedo de leite, e o resultado final é um café cor caramelo.

Se quiser algo diferente disso é bom mencionar.

Para o café com bem pouco leite pode pedir “dark”.

Para um café com mais leite pode pedir “light” ou “extra light”.

Os tipos de leite podem variar. Os dois principais são o regular ou whole milk, que é muito parecido com o leite que tem no Brasil e o Cream ou Half and Half, que é um leite com mais gordura. O cream tem um sabor diferenciado também, um pouco mais forte.

Quando quero leite no meu café a minha preferência é “dark with cream”. Essa para mim é a melhor combinação, mas varia muito de acordo com o gosto pessoal.

Outras opções de leite que você pode encontrar é o skimmed, que seria o nosso desnatado e os leites vegetais (aveia, soja e amêndoas).

Para os leites vegetais em geral é cobrado um pequeno valor adicional, então fique atento ao cardápio e as opções.

O mais legal é ter todas as experiências possíveis e visitar o maior número de cafeterias que puder! Então certamente irá viver muitas experiências… e com essas dicas certamente não irá entrar em apuros.

 

 

 

Sobre o autor

Laila Agresta

Laila Agresta

Empreendedora, apaixonada por desvendar novos sabores e lugares. Se impressiona a cada dia mais com o café e todas a pessoas envolvidas nesta cultura. Em paz, sempre em busca de algo que a leve para o próximo nível, seja de auto-conhecimento, seja de potencial de modificação das coisas, seja no entendimento daquilo que realmente importa.

Deixar comentário.