EduCAFÉ

Saiba mais sobre a origem do café e suas peculiaridades

origem do café

O café é uma das bebidas mais consumidas em todo o mundo. Queridinho dos brasileiros, ele figura nos menus dos mais diversos estabelecimentos e pode ser apreciado em suas diferentes versões.

Mas isso nem sempre foi assim! Por muito tempo, a bebida serviu apenas para fins tribais. Descubra agora a verdadeira origem do café e um pouco sobre sua expansão pelo mundo:

A origem do café

Muita gente pensa que o café é uma planta nativa do Brasil devido à grande relevância do país no mercado de café mundial. Mas ela é original do continente africano, mais especificamente da região da Etiópia, onde ainda faz parte da vegetação natural.

Relatos contam que antigos povos dessa área usavam a planta para estimular rebanhos de animais durante viagens longas e guerreiros antes de batalhas.

A antiga região de Kaffa, na Etiópia, é uma das possíveis inspirações para o nome “café”. Porém, a teoria mais aceita é que a palavra para se referir à planta se originou do termo árabe qahwa, que significa “vinho”. Provavelmente uma redução da expressão qahhwat al-bun, vinho de grãosNão é por acaso que o café ficou conhecido como “vinho da Arábia” quando chegou na Europa.

Aliás, foram os árabes que desenvolveram o café de forma próxima como é consumido hoje!

A importância do café para o mundo árabe

Apesar da origem do café ser a Etiópia, foram os árabes que mais evoluíram e diversificaram a sua produção, sendo o primeiro povo a cultivar e comercializar a planta.

Manuscritos indicam que o café foi cultivado inicialmente nos monastérios islâmicos do Iêmen, na Península Arábica, onde os frutos eram consumidos inicialmente in natura. Depois, foram feitos chás das folhas, da casca e das cerejas do café. Entretanto, foi somente no século XVI, na Pérsia, atual Irã, que os primeiros grãos foram torrados para obter uma bebida próxima da que consumimos hoje.

O café adquiriu uma importância cultural muito grande no mundo árabe e se difundiu rapidamente. Esse processo foi facilitado pelo fato das bebidas alcoólicas serem proibidas pelo islamismo, o que tornou o café a principal alternativa.

A difusão do café pelo mundo

A difusão do café pelo mundo foi facilitada, principalmente, por duas coisas: a expansão do islamismo e a Era dos Descobrimentos.

O islamismo em expansão levou consigo o hábito do consumo do café e o espalhou por todas as suas regiões de influência.

Não demorou muito para que o café começasse a ser consumido também na Europa, levado pelos viajantes que se impressionaram com aquela bebida nas arábias.

Mesmo com toda a dificuldade em se obter o grão verde ou uma muda da planta, protegidos a todo custo pelos árabes, logo o café foi plantado na Europa: os holandeses foram os primeiros a realizar o seu cultivo.

Com o sucesso e o lucro consequente, o plantio foi se expandindo por várias colônias europeias: francesas, italianas e portuguesas, entre outras. Isso ajudou a estabelecer a bebida como parte dos hábitos de diversos povos em todo o mundo.

Depois de algum tempo, o cultivo também chegou ao Brasil, onde se adaptou muito bem. Aliás, por quase um século, o café foi considerado a maior riqueza produzida em solo brasileiro.

Agora você já sabe um pouco mais sobre a origem do café, que tal continuar conferindo outras curiosidades como essa? Conheça nosso canal no YouTube. Curta a nossa página do Facebook e fique por dentro de todos os assuntos que envolvem essa deliciosa bebida!

Nós somos o Troco do Café. Conhece a nossa loja virtual? 

Oposto que você adorou conhecer mais sobre o nosso cafezinho!

Viste o Troco do Café

Deixar comentário.