EduCAFÉ

Gosto de café especial mas prefiro café extra-forte. O que você sugere?

diferença entre o café forte e o café gourmet

Dúvidas sobre café forte e café torra média escura

Olá pessoal, vamos responder a alguns questionamentos que recebemos por aqui e até mesmo dentro das nossas casas.

Recebemos perguntas do tipo: tem alguma coisa que possa ser feita durante a colheita do café para que ele fique mais forte? Vocês me indicam algum café forte? Porque o café especial ou café gourmet é tão fraquinho? Não gosto de café fraco, mas me identifico com o propósito da qualidade, de valorização do produtor, de agregar mais valor ao nosso café e lá vai mais coisas.

Café forte e café fraco e a interferência da colheita

A maneira com que é feita a colheita do café não traz interferência quanto ao café ser forte ou fraco na xícara.

Não há coisas que o produtor possa fazer lá atrás, para que o café chegue na sua xícara com uma cor ou sabor “extra-forte” diferente.

Isso está mais relacionado à torra do café.

Torra é quando pega o café verde, que vem da fazenda, aquece em uma máquina de torra e ele chega na cor amarronzada ou preta que estamos acostumados. 

Nesse vídeo você pode saber mais sobre torra: www.youtube.com/watch?v=TVAlvQ0D1o8&t=53s

Por que o café gourmet ou café especial é tão fraquinho?

O café especial ou gourmet não é fraquinho.

Café especial é aquele que, por meio de uma prova rigorosa e especializada, atinge uma pontuação a partir de 80 pontos (em uma escala de 0 a 100).

Mas porque ele é tão fraquinho?

Temos um vídeo explicando mais café especial ou café gourmet, veja nesse link: www.youtube.com/watch?v=UkS8hKg9j-U&t=15s

O café especial demanda uma torra mais clara, “fraca”, porque assim, nós consumidores, iremos perceber melhor todas as nuances e singularidades do café. Este café “pede” uma torra mais clara.

Não se encontra aquela torra/cor preta em cafés gourmet, cafés de qualidade.

Só assim poderemos perceber melhor sua acidez, seus aromas, sabores, equilíbrio, doçura natural.

Quando vamos escurecendo a torra, as características individuais do café vão também sendo queimadas. Um exemplo disso é o café que você compra no mercado. O ano inteiro, uma mesma marca, as características da bebida serão idênticas.  Esses cafés têm sempre uma cor do pó bem escura, e o que sobressai é a “força”, o amargor.

Os cafés especiais ou café gourmet, mesmo aqueles da “mesma marca” ou mesmo produtor variam de colheita para colheita, e muitas vezes dentro da mesma safra. É comum dentro de uma mesma propriedade ter um café mais frutado, outro mais achocolatado, um com pontuação mais alta que outro…respeitando as características macros do local.

Uma torra muito escura  (forte ou extra-forte) acaba que “matamos” essas peculiaridades. 

Ok, entendo tudo isso, mas prefiro um café mais forte

O primeiro teste que você pode fazer para saborear um café especial é mudar sua receita. Você pode moer o café mais fino, ou aumentar a quantidade de pó.

Faça seus testes, com certeza vai dar resultado na xícara.

Se mesmo assim não chegar no sabor que você busca, tente beber o café espresso. É um café com mais corpo, mais concentrado, mais forte! Hoje há diversas opções de máquinas de espresso que você pode ter em casa a baixo custo.

Se for usar a de cápsulas, dê preferência às cápsulas de cafés especiais direto do produtor.

Hoje as cápsulas de café tiveram sua patente quebrada/expirada. Então você pode encontrar ótimos cafés direto do produtor já na capsula para uso na sua máquina.

No nosso site você pode encontrar algumas cápsulas de café especial.

Nós pessoalmente preferimos as máquinas de café espresso que não usam capsula, por serem ambientalmente mais sustentáveis, por terem mais opções de cafés que possam ser utilizados e por poder  “dar uma de barista em casa” pois exige mais passos para preparar o café.

Escolha um café torra média escura

Outra opção é escolher um café especial na torra média escura. Este café terá mais corpo, um retrogosto mais prolongado, mais cor e um pouco de amargor. Será um bom café e também será mais “forte”.

Lembrando que para o café ser especial ele precisa ter qualidade, e essa qualidade é atestada por meio da pontuação dele. Tomando um café especial torra média escura você vai estar tomando um produto de qualidade, com uma torra mais próxima ao paladar que estamos atualmente acostumados. Mais familiar.

Vocês indicam algum café torra média escura?

Aqui vamos atualizando a lista de bons cafés torra média escura. Qualidade com a cor da torra que você busca.  

No site do Troco do Café: www.trocodocafe.com.br/cafe-diferentes-tipos-de-torra/

Não gosto de café fraco, mas me identifico com o propósito da qualidade, de valorização do produtor

Bacana! O espírito é esse.

Café especial tem todo um cuidado na origem, não tem jeito do produtor ser descuidado e ter um bom café. Café de qualidade exige empenho, respeito às características do fruto (café é uma fruta) e da planta. Agrega valor ao trabalho, à história da fazenda e ao produtor.

O site Troco do Café respeita a qualidade e o trabalho do produtor. Lá você pode encontrar aqueles que estão produzindo qualidade.

Encontre os cafés torra média que te agradam.

Só temos uma sugestão: moa seu café na hora, o sabor, aroma e frescor serão muito mais interessantes. Assim você vai realmente perceber a qualidade e o respeito às origens do seu grãozinho.

 

Sobre o autor

Troco do Café

Troco do Café

Troco do Café é um projeto com o objetivo de facilitar o acesso aos cafés de qualidade produzidos no Brasil!

Deixar comentário.